Notice: Trying to get property 'base' of non-object in /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-content/plugins/seo-by-rank-math/includes/replace-variables/class-manager.php on line 134Call Stack: 0.2113 3159768 1. {main}() /home/melhordaviagem.com.br/public/index.php:0 0.2113 3160040 2. require('/home/melhordaviagem.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/melhordaviagem.com.br/public/index.php:17 0.8173 23757056 3. wp() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-blog-header.php:16 0.8173 23757104 4. WP->main() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/functions.php:1274 0.8274 23902056 5. do_action_ref_array() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/class-wp.php:748 0.8274 23902056 6. WP_Hook->do_action() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/plugin.php:544 0.8274 23902056 7. WP_Hook->apply_filters() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/class-wp-hook.php:311 0.8522 24865520 8. RankMath\Replace_Variables\Manager->setup() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/class-wp-hook.php:287 0.8522 24865520 9. RankMath\Replace_Variables\Manager->should_we_setup() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-content/plugins/seo-by-rank-math/includes/replace-variables/class-manager.php:146Notice: Trying to get property 'base' of non-object in /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-content/plugins/seo-by-rank-math/includes/replace-variables/class-manager.php on line 155Call Stack: 0.2113 3159768 1. {main}() /home/melhordaviagem.com.br/public/index.php:0 0.2113 3160040 2. require('/home/melhordaviagem.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/melhordaviagem.com.br/public/index.php:17 0.8173 23757056 3. wp() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-blog-header.php:16 0.8173 23757104 4. WP->main() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/functions.php:1274 0.8274 23902056 5. do_action_ref_array() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/class-wp.php:748 0.8274 23902056 6. WP_Hook->do_action() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/plugin.php:544 0.8274 23902056 7. WP_Hook->apply_filters() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/class-wp-hook.php:311 0.8522 24865520 8. RankMath\Replace_Variables\Manager->setup() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/class-wp-hook.php:287 Melhor Da Viagem

10 dicas para fazer ecoturismo

4 de maio de 2020
O Viajante

A preocupação com a natureza está cada vez mais presente nos dias de hoje. Não é à toa que os mais variados segmentos estão adaptando seus negócios para atividades ecologicamente sustentáveis, como é o caso do ecoturismo, ou turismo ambiental, que visa oferecer atrações que preservem os patrimônios naturais e culturais.

Uma das principais características do ecoturismo é o seu respeito com o meio ambiente. 

Por conta disso, ele promove atividades de lazer, esportivas e outras recreações de forma consciente, com a intenção de minimizar os impactos sobre o ecossistema do local visitado.

Por exemplo, os espaços escolhidos para a prática do ecoturismo passam por analise de riscos ambientais, para avaliar os impactos causados por empresas, indústrias e outros estabelecimentos próximos.

Além disso, diferentemente do turismo tradicional, que visa a maximização do lucro com um grande número de pessoas em uma mesma atração turística, o ecoturismo pode até mesmo reduzir o número de pessoas em uma determinada atividade – tudo para diminuir os danos ao meio ambiente.

Essa modalidade vem crescendo muito nos últimos anos, principalmente no Brasil, já que o nosso país conta com uma grande diversidade de atrações junto à natureza.

Até mesmo o Fórum Econômico Mundial classificou o território brasileiro como o de maior potencial para o turismo ecológico e de aventura do mundo.

Diante disso, para ajudar você que deseja mudar a forma de viajar, separamos 10 dicas para fazer ecoturismo. Ficou curioso(a)? Então, acompanhe a leitura!

1 – Escolhendo um destino no Brasil

Já que um dos objetivos do ecoturismo é promover a consciência ambiental, nada melhor que escolher um destino para viajar em meio à natureza. Você pode procurar tanto em lugares nacionais quanto internacionais.

O Brasil possui um reconhecimento mundial em ecoturismo, devido à combinação das belas paisagens naturais, em conjunto com o crescente investimento governamental na área turística. 

Sendo assim, há um leque de opções em território brasileiro. Confira algumas opções abaixo:

Fernando de Noronha

Um dos destinos de ecoturismo mais procurados é o arquipélago de Fernando de Noronha. Com um mar de águas cristalinas e uma areia fina, o local é formado por 21 ilhas e ilhotas de formação vulcânica. 

A beleza é tamanha que Fernando de Noronha é considerado um patrimônio natural pela UNESCO.

Todas as praias são devidamente cuidadas, sendo feito o descarte de resíduos químicos de modo ecologicamente correto, como forma de preservar a beleza e a natureza.

Chapada dos Guimarães

A Chapada dos Guimarães, no Mato Grosso, conta com uma das mais importantes cachoeiras do Brasil, a Cachoeira Véu da Noiva, com 86 metros de altura. 

Além disso, a região conta com a maior gruta de arenito do país, na Caverna Aroe Jari.

Floresta Amazônica

A Floresta Amazônica dispensa apresentações. Além de ser um dos locais mais conhecidos em todo o mundo pela fauna e flora, abrigando quase 50% de toda a biodiversidade do planeta, a região também é um dos destinos mais procurados para ecoturismo.

Lá é possível aprender muito sobre a natureza, meio ambiente, cultura dos povos nativos e ainda aprender muito sobre atitudes sustentáveis, por exemplo, como é feita a coleta de resíduos recicláveis para evitar a poluição do Rio Amazonas, entre outras atividades.

2 – Escolhendo um destino internacional

Além do Brasil, é possível encontrar muitos destinos internacionais para aproveitar a natureza de forma consciente, incluindo:

Tailândia

A Tailândia é conhecida pelas suas plantações de arroz, bem como as tribos nativas, que vivem até hoje uma cultura de pequenas vilas e em comunidade. 

Assim, é possível acompanhar processos de purificação de água, com o auxílio de pouca tecnologia, como um desmineralizador de água

O destino também abriga as mais belas praias de areia branca, vegetação exuberante e milhares de templos, com uma cultura ímpar.

África do Sul

Uma viagem para a África do Sul é descobrir uma sociedade moderna em meio a uma natureza selvagem e preservada. 

Além disso, o local conta com o famoso Parque Kruger National Park, onde é possível ver os mais belos animais silvestres.

3 – Faça um planejamento da viagem

Depois de escolher qual será o destino da sua viagem, está na hora de colocar no papel tudo que é preciso antes de embarcar para o seu destino. 

Por exemplo, pense nas vantagens e desvantagens de fazer uma viagem por conta própria ou por meio de uma agência especialista em ecoturismo.

Além disso, caso for praticar alguma atividade, considere a sua aptidão física, experiência e condicionamento. Não arrisque-se em algo que possa ser perigoso para você.

No planejamento da viagem, também inclua:

  • Quantos dias pretende passar viajando;
  • O quanto de dinheiro você tem disponível para viagem;
  • A presença de roupas adaptadas para o seu destino;
  • A necessidade de equipamentos ou acessórios para as atividades.

Além disso, lembre-se de escolher um local de hospedagem adequado. Se você for para um local de temperatura muito extrema, ou optar por acampar, leve um cobertor microfibra para se aquecer.

4 – Realize uma pesquisa

Faça uma pesquisa antecipada dos locais que você escolheu viajar. Saiba como é o clima, a cultura da população local, o tipo de alimentação, entre outros detalhes específicos que podem te ajudar a compreender melhor sobre o seu destino.

Isso irá te ajudar a perceber como são alguns costumes da cidade, especialmente quanto aos impactos ambientais. Por exemplo, se o local trabalha com a lógica de incineração de resíduos e como você deve separar o seu lixo.

Afinal de contas, ecoturismo também diz respeito às nossas próprias atitudes.

5 – Reduza a bagagem

Tente reduzir ao máximo o número de bagagens. Além disso, principalmente nos casos de viagens de avião, lembre-se de identificar todas as suas malas, com o auxílio de etiquetas adesivas personalizadas, para evitar perdas, roubos e extravios.

6 – Escolha roupas adequadas

Em uma viagem de ecoturismo, o melhor é escolher roupas de cores neutras (ainda mais quando se tem animais, que podem se estranhar com uma mescla de estampas e tonalidade fortes).

Também é importante levar um protetor solar que não se dissolva em água, para contribuir com a preservação da fauna e da flora.

7 – Respeite os animais

Independentemente do destino da sua viagem, caso você encontre algum animal selvagem, é preciso respeitá-los. Você é quem está no habitat dele, não o contrário.

Portanto, observe-os à distância, não faça barulhos e não tente afugentá-los. Não dê nenhum tipo de alimento aos animais, já que cada um deles possui uma dieta própria.

8 – Tenha cuidado com o seu lixo

No ecoturismo, você precisa ter cuidado com tudo que impacta o meio ambiente, incluindo o seu lixo. 

Leve uma caixa de papelão ou um saco de papel para depositar os resíduos que produzir, especialmente se você estiver em um local à passeio, como praias e parques, onde é difícil encontrar latas de lixo.

Caso opte por acampar, os dejetos orgânicos devem ser despejados ou enterrados a, pelo menos, 30 metros de fontes, cursos d’água e trilhas. 

Não se esqueça que, se for necessário levar objetos de segurança, como equipamentos contra incêndio, opte por aqueles que contenham agentes que não agridam o meio ambiente.

9 – Evite acessórios que causem incêndio

Aliás, falando em equipamentos de proteção contra incêndio, você também deve evitar os acessórios que podem causar fogo, como jogar bitucas de cigarro. 

Caso você seja fumante, guarde esses resíduos com você, e somente descarte-os em local adequado.

Outros itens, como isqueiros, também devem ser usados com parcimônia e somente em situações extremas.

10 – Priorize a sua segurança

Nos ambientes naturais, podemos nos deparar com alguns episódios arriscados e, além disso, o salvamento nestes locais é muito mais complexo. Por conta disso, não se arrisque.

Como nos diz o ditado popular, antes prevenir do que remediar. Portanto, se vir alguém em perigo, busque ajuda de habitantes locais ou pessoas especializadas para fazer o socorro.

Quando for pegar uma trilha, avise pessoas de confiança sobre o seu trajeto e forneça um possível horário de chegada. Assim, em casos de emergência, seus conhecidos saberão onde você está.

Também é fundamental levar alguns artigos de segurança, como lanternas, agasalhos, capas de chuva, estojos de remédios e primeiros socorros, água e alimentos (quando possível).

Se você tomar alguma medicação constante, não esqueça de levá-la em qualquer atividade de longa duração.

Conclusão

O ecoturismo é uma tendência que vem crescendo. Com muitas opções de viagens e atrações turísticas, é uma boa opção para quem deseja ter contato direto com a natureza, aproveitar as maravilhosas paisagens, além de conhecer mais sobre preservação ambiental.

Diante disso, dá para notar o porquê do ecoturismo ser tão desejado.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.