Notice: Trying to get property 'base' of non-object in /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-content/plugins/seo-by-rank-math/includes/replace-variables/class-manager.php on line 134Call Stack: 0.2370 3159848 1. {main}() /home/melhordaviagem.com.br/public/index.php:0 0.2370 3160120 2. require('/home/melhordaviagem.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/melhordaviagem.com.br/public/index.php:17 0.8810 23758424 3. wp() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-blog-header.php:16 0.8810 23758472 4. WP->main() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/functions.php:1274 0.8916 23904520 5. do_action_ref_array() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/class-wp.php:748 0.8916 23904520 6. WP_Hook->do_action() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/plugin.php:544 0.8916 23904520 7. WP_Hook->apply_filters() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/class-wp-hook.php:311 0.9165 24866480 8. RankMath\Replace_Variables\Manager->setup() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/class-wp-hook.php:287 0.9165 24866480 9. RankMath\Replace_Variables\Manager->should_we_setup() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-content/plugins/seo-by-rank-math/includes/replace-variables/class-manager.php:146Notice: Trying to get property 'base' of non-object in /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-content/plugins/seo-by-rank-math/includes/replace-variables/class-manager.php on line 155Call Stack: 0.2370 3159848 1. {main}() /home/melhordaviagem.com.br/public/index.php:0 0.2370 3160120 2. require('/home/melhordaviagem.com.br/public/wp-blog-header.php') /home/melhordaviagem.com.br/public/index.php:17 0.8810 23758424 3. wp() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-blog-header.php:16 0.8810 23758472 4. WP->main() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/functions.php:1274 0.8916 23904520 5. do_action_ref_array() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/class-wp.php:748 0.8916 23904520 6. WP_Hook->do_action() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/plugin.php:544 0.8916 23904520 7. WP_Hook->apply_filters() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/class-wp-hook.php:311 0.9165 24866480 8. RankMath\Replace_Variables\Manager->setup() /home/melhordaviagem.com.br/public/wp-includes/class-wp-hook.php:287 Melhor Da Viagem

Quanto posso levar dinheiro em espécie para uma viagem internacional?

5 de março de 2020
O Viajante

Um dos questionamentos principais de quem vai fazer uma viagem internacional, não importa qual país, é sobre quanto em dinheiro em espécie para uma viagem internacional se pode levar.

Será que existe um máximo de dinheiro físico que você pode transportar em uma viagem para um local fora do Brasil? Caso não exista, há algum outro fator que pode limitar a moeda em espécie?

Se você possui essas dúvidas, vai fazer uma viagem internacional e está pensando em comprar dólar turismo ainda no Brasil, então não deixe de acompanhar esse artigo até o final.

Aqui será possível entender se você poderá estar levando a quantia desejada para sua viagem aqui do Brasil em dinheiro em espécie ou em outra forma, como cartão pré-pago.

Boa leitura!

Dinheiro em espécie em viagem internacional: Quanto pode levar?

Há um limite de dinheiro físico para levar em uma viagem internacional?

Se você está se preparando para uma viagem para fora do Brasil, como para os Estados Unidos, a Europa ou mesmo a América do Sul, então essa é uma pergunta que deve estar se fazendo.

A maioria dos brasileiros preocupa-se com a questão de quanto podem levar de dinheiro em espécie em uma viagem internacional.

A resposta a essa pergunta é a melhor possível para todos: não existe um limite de dinheiro, em qualquer moeda e em espécie, que você possa levar.

Isso significa que você pode sair do Brasil tanto com o equivalente a R$ 2 mil quanto a R$ 20 mil.

Entretanto, há um porém que deve ser levado em consideração: se você for levar valores superiores a R$ 10 mil, é preciso declarar o dinheiro em espécie à Receita Federal.

Lembrando que esse valor pode ser em reais ou em qualquer outra moeda, desde que o valor seja equivalente aos R$ 10 mil.

É importante ressaltar esse ponto, pois caso você compre dólar turismo ou euro, e a cotação das moedas esteja R$ 4 para cada U$ 1,00 ou 1 euro, então você terá que declarar os valores acima de U$ 2.500 ou 2.500 euros que levar.

O lado bom é que apesar da necessidade de declarar qualquer quantia, a partir desse valor, não é cobrado nenhum imposto/tributo sobre o seu dinheiro.

Outro ponto essencial é que o valor de R$ 10 mil sem declarar é individual, ou seja, se duas pessoas estão saindo do Brasil com R$ 18 mil, mas cada uma está levando R$ 9 mil, não é preciso nenhum dos dois declarar.

O que ocorre caso alguém não declare que está levando quantias superiores a R$ 10 mil?

Se você está saindo (ou entrando) no Brasil com valores superiores a R$ 10 mil e não fizer a declaração à Receita Federal, há riscos para seu dinheiro.

Isso porque a quantidade de dinheiro acima dos R$ 10 mil pode ser apreendido ou retido pelas autoridades, bem como você pode sofrer sanções penais.

Sendo assim, é sempre bom seguir as regras direito para evitar perder seu dinheiro (muitas vezes para sempre) e estragar sua viagem.

É importante então, por exemplo, no dia da viagem conferir a cotação de dólar e fazer a conversão para o valor em reais, observando se não vai ultrapassar o limite permitido sem declarar.

Então, fica a dúvida, será que vale a pena levar dinheiro em espécie, se for preciso sair do país com grandes quantias?

Quais os motivos para se levar dinheiro em espécie para uma viagem internacional?

Se você está se perguntando se, após o que foi falado aqui, vale a pena levar dinheiro em espécie em uma viagem internacional, a resposta é sim!

Isso porque quanto aos impostos que incidem sobre o dinheiro físico, os valores são bem menores, já que o pagamento da IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) é de apenas 1,1% do valor total.

Já no caso do uso do cartão de crédito ou de cartão pré-pago recarregável, o IOF é cobrado com uma taxa de 6,38%, ou seja, bem mais salgada.

Além disso, comprar moeda em espécie, como o dólar turismo, no Brasil sai muito mais barato do que a taxa de câmbio que você pagará no país estrangeiro.

No caso de fazer compras com cartão de crédito, por exemplo, a cotação de dólar que você irá pagar será aquela do dia do fechamento da fatura e não da compra.

Assim, você corre o risco de acabar pagando bem mais do que deveria por uma compra que fez, o que pode pesar no seu bolso ao final da sua viagem.

ARC Corretora: A melhor corretora de câmbio em Santos e Baixada Santista

Está pensando em fazer uma viagem internacional e quer comprar dólar com a melhor cotação?

Então não há dúvidas de que a ARC Corretora é o melhor local, em Santos, para que você possa fazer a aquisição do seu dólar turismo.

Assim, essa casa de câmbio possui uma excelente cotação de dólar, o que permite que você compre uma boa quantidade de dinheiro em espécie por um ótimo preço.

Você pode, aliás, fazer sua cotação online através do nosso site: https://arccorretora.com.br/.

Conclusão

Como você viu, para quem vai fazer uma viagem internacional, sempre surge a dúvida sobre a quantia permitida de dinheiro em espécie que se pode levar.

Neste texto, você pôde ver como não há um limite de dinheiro físico que alguém pode levar em uma viagem para fora do país.

Entretanto, é preciso ficar atento para o limite máximo de R$ 10 mil sem precisar declarar, pois acima desse valor, é preciso fazer declaração junto à Receita Federal.

Gostou do artigo de hoje sobre quanto posso levar em dinheiro em espécie para uma viagem internacional?

Se você ficou com alguma dúvida sobre esse assunto, escreva-a abaixo nos comentários para que eu possa ajudá-lo.