Piramides-do-Egito
Pirâmides do Egito tudo o que você precisa saber

As pirâmides do Egito são verdadeiras obras de arte, história, beleza e cultura tudo em único lugar. São misteriosas e por este motivo muitos são os enigmas que ainda precisam ser desvendados.

As pirâmides do Egito

Você já se perguntou o que de fato são as pirâmides do Egito? São túmulos dos faraós, assim como os dos seus familiares.

Uma das últimas pirâmides do Egito a ser descoberta foi em 2008, cuja a construção remota mais ou menos 4.300 anos, e pertenceu ao faraó Teti.

Por volta do século XVIII foi cogitada a ideia de que as pirâmides poderiam ter servido para outros fins a não ser túmulos, mas logo foi descartada a possibilidade, as pirâmides do Egito são mausoléus tentando de alguma forma perdurar a existência do seu Rei, o faraó.

O formato das pirâmides do Egito

Sua forma simboliza a ascensão ao céu, os antigos reis acreditavam que quanto mais elevadas fossem, mais próximas do céu estariam.

Com uma estrutura exuberante e luxuosa representavam o poder político religioso da época, o faraó também era considerado descendente de um deus panteão o que explica mais uma vez a grandiosidade e beleza das pirâmides do Egito.

Confira também onde

As pirâmides do Egito carregam a crença de que uma vez sepultados ali o espírito ficaria vivo, e como forma de manter a preservação eram mumificados.

Mastaba, uma espécie de pirâmide que era utilizada pela nobreza, porém bastante suscetível a violação. As pirâmides do Egito também eram projetadas para guardarem bens que os faraós acreditavam que iriam precisar na outra vida.

Mastaba se localiza na Necrópole de Gizé, onde também encontramos as três grandes pirâmides do Egito.

Construção das pirâmides do Egito

Nada é de concreto, porém alguns cientistas afirmam que trenós feitos de madeira levavam os blocos de pedra, outras ferramentas utilizadas seriam alavancas, madeiras e planos inclinados.

A maior de todas as pirâmides do Egito a Quéops, tem sua pedra mais leve pesando meia tonelada e a mais pesada 6. Isso há 4.000 anos atrás, sem a tecnologia e transportes que temos hoje em dia.

No entanto o Rio Nilo teve grande importância na transportação dos blocos de pedra, os faraós utilizavam embarcações gigantescas para época. De modo que só era possível o transporte quando o rio estava cheio para que as embarcações não encalhassem.

Assim que a embarcação ancorava os trenós entravam em ação segundo os cientistas, e daí entrava o trabalho braçal com o auxílio de rampas até que a pirâmide fosse construída.

A pirâmide mais antiga

A pirâmide do antigo rei Djoser construída em torno do ano de 2.660 a.C é a mais antiga. Substituta de Mastabas, com estruturas enterradas, e parte descobertas, possuindo escadas voltadas para o céu, ao todo a pirâmide mede aproximadamente 60 metros de altura.

Foram os escravos que construíram as pirâmides do Egito?

Foram construídas por camponeses que trabalhavam nas terras dos faraós. Quando o Rio Nilo estava cheio os camponeses realizavam obras públicas, e as pirâmides do Egito eram uma delas.

Confira também: Pontos turísticos em Buenos Aires

Cientistas afirmam que esses agricultores recebiam pelo trabalho, sendo assim as pirâmides não foram construídas por escravos.

Afinal, quantas pirâmides existem no Egito?

As pirâmides do Egito somam 123, porém algumas não estão em bom estado de conservação, como exemplo temos as famosas pirâmides de Gizé.

Em 2017 na necrópole Dhchur foram encontradas ruínas de uma pirâmide com mais ou menos 3.700 anos. Pirâmides em mal estado de preservação geralmente são descobertas através de escavações arqueológicas.

Quéops a maior das pirâmides do Egito

Piramides-do-Egito
Pirâmides do Egito tudo o que você precisa saber

A pirâmide de Quéops é uma das sete maravilhas do mundo, situada na cidade de Gizé que fica 20 Km da capital Cairo.

A pirâmide de Quéops também é chamada de a Grande Pirâmide de Gizé, o mausoléu tem fundação em torno do ano de 2.584 a.C possuindo 145 metros de altura, com largura de 230 metros, um prédio com mais de 40 andares. Já imaginou?

Ao lado da pirâmide de Quéops encontramos ainda outras duas pirâmides, formando então a necrópole de Gizé, sendo a Pirâmide de Quéfren e Miquerinos.

A grande Pirâmide de Gizé é preservada até os dias atuais, um detalhe é que múmia do faraó ainda não foi encontrado dentro da pirâmide até hoje. Um mistério não é mesmo?!

Maravilha antiga

Segundo os estudiosos da corrente principal, a Grande Pirâmide de Gizé é o resultado do esforço acumulado de construção de pirâmides no Egito. Acredita-se que o faraó Khufu, da Quarta Dinastia, comissionou os egiptólogos, afirma que a pirâmide foi construída em um período de 20 anos aproximadamente.

O modo como foi construído continua sendo um enigma. De todos os problemas relacionados às pirâmides, sua construção é a mais intrigante. Assim como é para nós hoje, foi há centenas de anos atrás.

Até o escritor romano Plínio, o Velho, que condenou as pirâmides como uma “exibição ociosa e tola da riqueza real”, descobriu muito sobre as estruturas antigas.

Escrevendo sobre a construção deles, Plínio escreveu “… A pergunta mais curiosa é como as pedras foram elevadas a uma altura tão grande…”

Provavelmente desde que as pessoas se perguntam como esses monumentos colossais foram criados. Usando quais tecnologias, quais ferramentas. A Grande Pirâmide de Gizé foi construída usando mais de 250 mil blocos de pedra. Algumas dessas pedras pesam mais de 15 toneladas.

É simplesmente incompreensível pensar na quantidade de trabalho envolvido na construção dessas estruturas, mesmo se feito com equipamentos e ferramentas modernas.

No entanto, devemos ter em mente que os antigos construíram as pirâmides com os métodos mais simples disponíveis. Sem a roda e sem a polia (a polia era desconhecida no Egito antes do período romano), argumenta-se que, tanto na pedreira quanto na construção, os construtores usavam cinzéis de cobre e possivelmente ferramentas de ferro, pederneira, quartzo e possivelmente dioritos.

Seja como for, egiptólogos sugerem que mover blocos maciços não era considerado um desafio para os egípcios antigos. 

Pedras pesando mais de 100 toneladas foram transportadas, aparentemente com facilidade, milhares de anos atrás.

É incrível não é mesmo?! Não deixe de conhecer as pirâmides do Egito, será uma experiência fantástica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui