Câmbio em Buenos Aires:

Viajar para o país dos “el hermanos” exige que você saiba o mínimo sobre o câmbio em Buenos Aires. Confie este post vai te ajudar!

A argentina costuma ser um destino comum para muitos brasileiros. Por muitas vezes, é o primeiro destino internacional.

E é justificado! A Argentina um país lindo, com uma grande história e com muitos lugares para se visitar.

Sem dizer que é muito mais em conta devido a moeda.

cambio_em_buenos_aires

Por isso, neste artigo vamos abordar como fazer câmbio em Buenos Aires, e a primeira regra é: Nunca faça o câmbio no Brasil.

Isto porque o Câmbio em Buenos Aires é mais vantajoso que no Brasil. As casas de câmbio brasileiras pagam menos que as argentinas.

O câmbio muda diariamente, mas em média temos esta cotação:

  • 1 Real = 6,50 Pesos argentinos.
  • 1 Dólar = 25 Pesos argentinos.

Câmbio em Buenos Aires: Onde fazer?

1) Aeroporto de Ezeiza

O aeroporto de Ezeiza é um destino comum para quem desembarca em Buenos Aires.

Durante 365 dias por ano, 24 horas por dia, você pode fazer o câmbio no Banco La Nación.

Ele se localiza no retorno à direita, após sair pela porta de desembarque.

É bom prestar atenção, porque a agência fica meio escondida. Se preciso, pergunte por ela a um dos funcionários do aeroporto.

No site DolarHoy.com você pode ver a cotação do dia. A do Banco La Nación para o Real costuma ser inferior à das corretoras encontradas no Centro.

2) Aeroparque

Este aeroporto é voltado mais para voos domésticos, mas também atende alguns voos internacionais.

A Agência do banco La Nación fica no saguão de check-in e abre diariamente entre às 6h e meia noite.

3) Terminal Buquebus

O terminal de ônibus em Buenos Aires. Você pode trocar no Banco República, que fica aberto das 7h às 14h.

Caso não tenha pesos disponíveis (acontece de vez em quando) você pode sacar nos caixas automáticos, se o seu cartão estiver habilitado para saques internacionais.

4) Câmbio no Centro

Uma boa opção no centro são as corretoras de câmbio. Elas funcionam de segunda à sexta das 10h às 16h.

Você também pode optar pelos Bancos, com funcionamento de segunda à sexta das 10h às 15h, e as Casas de Câmbio, que funcionam de segunda à sexta das 10h às 17h.

Se você estiver em lugares turísticos, como na Calle Florida, você pode encontrar casas de câmbio aos sábados e domingos.

Neste caso, elas nem sempre possuem as melhores cotações. Se estiver chegando nos dias de semana, dê preferência às corretoras de câmbio

Duas boas opções são:

    – Multifinanzas – Calle Sarmiento, 448.

    – Alpe – Calle Sarmiento, 480.

Câmbio em Buenos Aires: Tenha alguns cuidados

Tome cuidado com o mercado paralelo. São comuns lá os “Arbolitos”, Pessoas que ficam no meio da rua anunciando câmbio.

Pense no risco antes de tentar esta opção. Você não receberá comprovante e estará se arriscando a diversos golpes.

Cuidado também com as notas falsas. Em Buenos Aires é mais comum do que se imagina.

Todas as notas de Peso possuem:

  • 155mm de largura;
  • 65mm de altura;
  • Papel de fibra de algodão;
  • Relevo sensível ao tato;
  • Marca d’ água de uma figura histórica correspondente à nota.

Lembre-se de só fazer câmbio em locais seguros e nunca com pessoas na rua ou taxistas.

Câmbio em Buenos Aires: Dicas Finais

O uso do Cartão internacional de débito ou crédito é uma boa ideia, no caso de alguma eventualidade ocorrer.

Lembre-se que o uso do cartão possui uma tarifa de IOF de 6,38%. Se você for sacar, lembre-se que existem tarifas de saque do banco e pelo uso do equipamento.

Alguns bancos, como o Citibank e o Santander oferece isenção de tarifa se o saque for feito em suas agências. O Itaú não cobra tarifa de clientes Personnalité.

Para pagamentos, a rede mais aceita em Buenos Aires é a Visa, seguida pela Mastercard e a American express.

É isso, espero que suas dúvidas sobre câmbio em Buenos Aires estejam resolvidas.

Agora é só nos contatar para marcar sua viagem!

Leave a Reply